5.10.13

Programa alternativo no Chile: Um dia em Sewell


Para quem vai à Santiago-Chile, os programas clássicos são: city-tour na cidade, subida aos Cerros, noites no Pátio Bela Vista e um bate e volta em Viña del Mar e Valparaíso. Mas que tal fazer algo diferente? Como por exemplo, visitar uma cidade, com casas coloridas e ruas que na verdade são todas escadas, que foi declarada Patrimônio da humanidade pela UNESCO em 2006,  encravada na cordilheira dos Andes?
Pois bem, é de Sewell que estou falando.
Quando você chega ao Chile, logo aprende  que a base da economia do país é a exploração de cobre (aproximadamente 45% do cobre do mundo inteiro vem de lá). Sewell é uma vila operária que foi construída no início do século XX para abrigar trabalhadores de uma mina de Cobre explorada por uma empresa Norte Americana. Hoje encontra-se desabitada, mas em seus tempos áureos chegou a comportar 15.000 habitantes e ter uma estrutura de dar inveja à muitas capitais da América do Sul.